Profissional Digital

5 dicas de SEO para melhorar o desempenho orgânico do seu ecommerce

5 dicas de SEO para melhorar o desempenho orgânico do seu ecommerce

Aqui estão 5 dicas de SEO para melhorar o desempenho orgânico do seu ecommerce para aumentar o tráfego e gerar mais receita. São dicas valiosas para implementar, revisar e auditar.

Estamos vivendo em tempos incertos com escolas e empresas fechadas, pessoas perdendo seus empregos, alguns setores como viagens e turismo, shoppings foram atingidos em cheio enquanto empresas direcionadas ao comércio eletrônico ou que prestam um serviço que as pessoas precisam, como por exemplo: Google Meet, iFood estão prosperando no momento.

Recentemente, o Google disponibilizou uma série de posts que mostra estudos de caso sobre como o SEO pode ajudar as empresas, principalmente loja virtual.

O comportamento do usuário muda a medida que a pandemia piora e por isso as compras de produtos e serviços online ganham mais força.

Embora eu ache que as coisas não voltarão ao normal tão cedo, aqui está uma lista de 5 dicas de SEO para melhorar o desempenho orgânico do seu ecommerce.

1 – Atualize o perfil da empresa nos serviços de listagem de negócios

Eu tenho visto várias, e não sou poucas, lojas físicas e lojas virtuais com perfil ativo no Google Meu Negócio e nos próprios sites apresentando horário de funcionamento normal, como se nada tivesse acontecido, quando na verdade a empresa está fechada por conta da pandemia.

O mesmo vale para serviços essenciais. O gerenciamento do horário comercial de lojas é crucial para as empresas que atualmente permanecem abertas como supermercados, farmácias, postos de gasolina, etc.

Os regulamentos e os horários estão mudando constantemente, por isso seria bom que as empresas continuassem atualizando seus horários na internet.

Uma padaria que eu frequento costumava estar aberta 24 horas. Ao fazer uma pesquisa no Google, antes de sair de casa, dizia que iria fechar as 20h. Esta simples informação de horário de funcionamento na internet me fez economizar uma viagem de carro de quase 30min e alguns litros de gasolina.

Portanto, a pesquisa local é essencial para atualizar empresas que fecharam temporariamente ou alteraram seu horário de funcionamento.

5 dicas de SEO para melhorar o desempenho orgânico do seu ecommerce

No longo prazo, você precisa otimizar as listagens de empresas para aparecer no resultado da pesquisa local e para consultas com base no local.

Para fazer isso, existem várias maneiras de otimizar suas listagens de empresas, incluindo:

  • Conquistar avaliações e comentários positivos nos serviços de listagens de empresas como o Google Meu Negócio
  • Revisar e atualizar (se for preciso) o nome da empresa, endereço, telefone, descrição, site, etc.
  • Manter seu perfil ativo nos serviços de listagens publicando conteúdo, fotos, novidades, promoções

2 – Adicione a atualize seus dados estruturados

Muitas empresas mudaram seus eventos para eventos virtuais. Se você procurar alguns eventos, eles podem aparecer até mesmo como cancelados.

Veja o caso do evento RD Summit (que participo e indico), qualquer pesquisa referente ao evento irá retornar que o RD Summit foi cancelado. Isto só é possível atualizando os dados estruturados adicionando um código no site para informar se o evento foi prorrogado, se passou a ser virtual ou cancelado.

blank

3 – Execute uma auditoria técnica

Existem muitos problemas que impedem os sites de ecommerce de obter boa visibilidade nas páginas de resultados de pesquisa.

Com base na minha experiência, vi problemas comuns, incluindo:

  • Conteúdo duplicado serem indexados e não serem devidamente canonizados.
  • Estratégia de redirecionamento incorreta. Algumas marcas excluem páginas quando um produto está fora de estoque, o que não é a coisa correta a fazer.
  • Tempos de carregamento ruins devido a vários scripts diferentes em execução que talvez não precisem estar em execução, tornando a página mais lentas. Imagens pesadas também são um problema comum.
  • Sitemaps XML que não são atualizados automaticamente ao adicionar novas páginas ou categorias de produtos.
  • Estrutura de URL incorreta com muitos parâmetros e pastas extras desnecessárias

Enfim, uma auditoria técnica é imprescindível para ajudar a detectar erros que podem causar danos ao seu site.

4 – Crie e Otimize seu conteúdo

Ter conteúdo de alta qualidade que atraia a atenção do usuário é mais importante do que nunca.

Muitos sites de comércio eletrônico tem páginas e descrições de produtos e até páginas de categoria com quantidade limitada de conteúdo.

Também vivemos em um mundo em que os usuários estão fazendo perguntas e essas perguntas com respostas devem ser incorporadas à sua estratégia para tornar seu conteúdo e suas páginas mais relevantes para aparecer nos primeiros resultados de pesquisa do Google.

Outro fator importante é, nem todo mundo que acessa seu site está na fase de compra.

Alguns usuários estão no estágio informativo e desejam descobrir mais sobre o produto antes de comprá-lo.

Por exemplo, o álcool em gel estava difícil de ser encontrado, mas nem todo álcool em gel eram eficazes contra o Coronavírus.

Se eu visitar um site que não conheço e o site vende álcool em gel, a primeira pergunta que vou fazer é: Qual é o teor alcoólico? É superior a 70% para matar o Coronavírus?

Se a descrição do produto e outras informações na página não podem responder a essa pergunta, por que eu compraria?

As marcas também devem fazer uma auditoria de conteúdo ou delegar para que sua agência de marketing execute uma auditoria de conteúdo no site para verificar se há informação desatualizada ou que pode ser removida e até mesmo mesclada com outro conteúdo para torná-lo ainda mais útil e relevante.

5 – Google Shopping

O Google recentemente abriu listagens de produtos gratuitas para os resultados de compras para ecommerce.

Os lojas virtuais terão exposição gratuita a milhões de pessoas que acessam o Google todos os dias para atender às suas necessidades de compras.

De todas as minhas dicas, essa é a mais importante e todos os donos de ecommerce devem aproveitar isso agora!

Em resumo

O SEO faz parte do marketing digital e merece atenção redobrada para a maioria das marcas até porque oferece o melhor ROI.

Com estas 5 dicas de SEO para melhorar o desempenho orgânico do seu ecommerce você já conseguirá ver bons resultados em poucos meses.

Comece a pensar melhor no SEO agora para colher os frutos ao longo do tempo e assim gerar receita e tráfego altamente qualificado no futuro à medida que as políticas e procedimentos são implementados para combater a pandemia.

O comportamento do usuário mudou e o algoritmo do Google também mudou.

Depois que o comportamento do usuário voltar ao normal, as marcas que criarem uma boa experiência de conteúdo, responderem a perguntas e fornecerem informações valiosas aos usuários serão listadas na primeira página do Google (SERPs).

Eu espero que com essas 5 dicas de SEO para melhorar o desempenho orgânico do seu ecommerce possa ajudar na sua jornada para enfrentar seus concorrentes e conquistar mais relevância nas pesquisas da internet.

Rod Lopes

Rod Lopes

Profissional Digital

Se você gostou deste artigo, deixe seu comentário e compartilhe. Só assim vou saber se estou contribuindo e como posso melhorar. Obrigado!

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

blank
Começar Conversa
1
Estou aqui para te ajudar, ok?
Conte comigo para resolver seus problemas de Marketing Digital.
Desde Site/Loja Virtual até Tráfego Pago, Email Marketing, Logotipo, Identidade Visual.
O ideal é fazermos uma reunião.